Atenção – ANS muda regra de Reajuste de Planos de Saúde Individuais e Familiares


A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) divulgou recentemente que a regra para Reajustes de Planos de Saúde Individuais e Familiares mudarão. De acordo com o diretor do setor de Normas e Habilitação de Produtos da ANS, Rogério Scarabel, os dados para o cálculo serão divulgados a partir de maio de 2019.

Ainda de acordo com Scarabel, a nova Regra de Reajuste de Planos Familiares e Individuais terá como ponto de partida as despesas com médicos, tratamentos terapias que as operadoras tiveram. Ainda de acordo com a ANS, o cálculo levará em consideração questões como variação da inflação e mesmo assim, oferecer ao beneficiário um valor de Reajuste de Plano de Saúde menor que a regra antiga.

A mudança da Regra de Reajuste de Planos de Saúde gerou um rebuliço entre os especialistas da Área da Saúde, que questionam a mudança da ANS, visto que ainda não existem dados para comparativo graças a falta de dados.

A mudança da Regra de Reajuste de Planos de Saúde é baseada numa auditoria realizada pelo Tribunal de Contas da União (TCU). Durante a inspeção, diversos problemas na regra antiga foram encontrados. A ANS tomou a decisão de mudar as Regras de Reajustes de Planos de Saúde como forma de resposta ao TCU.

Até o momento, não se sabe se as mudanças serão proveitosas ou não para o beneficiário, pois não existem dados o suficiente para uma análise mais profunda.

 

Ficou com alguma dúvida? Preencha o formulário abaixo e fale com um advogado especialista em saúde!

 

Fale com um advogado especialista em Saúde